A Estremadura lidera o caminho

A região da Estremadura lidera o caminho na adopção de software gratuito. O governo desta região anunciou que vai migrar todos os computadores do serviço publico para Linux até ao final do ano. Já foram migradas escolas e universidades nesta região autónoma espanhola. O interessante é que a migração não foi feita para nenhum distribuição "conhecida" mas sim para uma criada por programadores da região. Chama-se GnuLinex e é baseada em Debian.

No processo todo, o governo regional espera poupar 18 milhões de Euros. Além da adopção de tecnologias OpenSource, o governo vai também mandatar o uso do formato de OpenDocument do OpenOffice para todos os documentos. Para melhorar, um grupo de empresas, incluindo o El Corte Inglês, estão de olhos postos na migração, para avaliar os potenciais do projecto. Esta série de migrações não fica por aqui, sendo a Estremadura o ultimo de um conjunto de outros. No ano passado, Bristol e Birmingham City anunciaram também projectos em larga escala para reduzir a sua dependência no Windows e no MS Office. Bristol anunciou que a mudança para o StarOffice poupou aos contribui­ntes £1.4 milhões.

In Linux Format 85 – November 2006

Estes projectos são noticias muito boas e que deixam a comunidade OpenSource e a sua filosofia muito contentes. Gostava imenso que Portugal também tivesse conhecimento destes projectos e que os seus responsáveis optassem por algo semelhante. Felizmente, o Ministério da Justiça já possui algo semelhante. O projecto chama-se LISA e o seu objectivo, como descrito no site:

Adoptar ferramentas de software livre nos servicçs do Ministério da Justiça com o intuito de reduzir custos e acelerar o processo de adopção de novas tecnologias de informação.

O mais interessante é que também criaram a sua própria distribuição, chamando-se esta Linius. O site é também um mirror para outros projectos OpenSource e distribuições de Linux.
Pode ser que outros ministérios sigam este exemplo. Dois ministérios que deviam seguir este exemplo eram os da saúde e da educação…
Existem programas nas escolas primárias para dar formação às crianças nesta idade escolar. Este projecto é da responsabilidade do ministério da educação. Infelizmente para nós, é-lhes ensinado Windows e Office. Desde pequenos que são ensinados a trabalhar em aplicações da Microsoft. No Reino Unido o ensino de informática às crianças também é feito na primária, mas sabem o que dão? Pois é, às crianças em idade escolar, é-lhes ensinado a trabalhar em Linux e não em Windows.

Pode ser que os nossos responsáveis se apercebam disto e alterem o nosso plano tecnológico, se é que ele não é mais do que assinar protocolos com a Microsoft.

2 thoughts on “A Estremadura lidera o caminho

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *